Perfis de Tensão Residual do Aço Duplex uns 32304 Submetido á Processo de Soldagem Tig e Diferentes Condições de Tratamento Térmico

Nome: Caruline de Souza Carvalho Machado
Tipo: Dissertação de mestrado acadêmico
Data de publicação: 13/05/2015
Orientador:

Nomeordem decrescente Papel
Marcos Tadeu DAzeredo Orlando Orientador

Banca:

Nomeordem decrescente Papel
Luis Gallego Martinez Examinador Externo
Marcelo Camargo Severo de Macêdo Coorientador
Marcos Tadeu DAzeredo Orlando Orientador
Temistocles de Sousa Luz Examinador Interno

Resumo: Tiras de aço duplex UNS S32304 foram soldadas de modo autógeno através do processo TIG, variando-se o gás de proteção. Posteriormente as amostras foram submetidas a tratamento térmico nas temperaturas de 475°C, 600°C e 750°C por 8 horas, seguidas de resfriamento ao ar. As tensões residuais médias foram avaliadas e diferentes perfis de tensões foram construídos. A tensão residual das fases foi determinada pela técnica sen2 &#936;, utilizando um difratômetro com geometria Bragg-Brentano, empregando fonte de radiação CuK&#945; (<&#955;> = 0,15419 nm) para a fase austenita e radiação CrK&#945; (<&#955;> = 0,2291 nm) para a fase ferrita. Avaliou-se ainda o teor de ferrita, microdureza e microestrutura do material, os quais foram relacionados aos perfis obtidos. Verificou-se que tanto a temperatura quanto a variação do gás de proteção influenciam no perfil de tensões para as diferentes fases deste aço.
Palavras chave: Aço inoxidável duplex UNS S32304. Soldagem TIG. Tratamento térmico. Difração de raios X, Tensão residual.

Acesso ao documento

Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910