Radiometria e cristalografia da areia das praias de Vitória (ES)

Resumo: Análises já desenvolvidas pelo Grupo de Física Aplicada da UFES dão conta que o Espírito Santo apresenta reservas de areia monazítica rica em Cério e Tório. As grandes reservas de Tório encontram-se em países emergentes (Brasil, Índia e outros) e não em países totalmente desenvolvidos, portanto o interesse tecnológico para a sua aplicação não tem sido explorado pela comunidade científica internacional. A areia monazítica tem sido explorada comercialmente pela INB (Industrias Nucleares Brasileiras) devido ao seu alto teor de terras raras (55-60%), sendo o Urânio e Tório obtidos como subprodutos. Nas areias monazíticas do Espírito Santo encontra-se uma composição de terras raras na qual 48.5% são átomos de Cério. Sendo assim, gerar aplicativos para essa riqueza natural irá gerar aumento de valor agregado a essa atividade de exploração.
Levantamentos recentes dão conta que as areias monazíticas tem sido encontradas em depósitos nas praias de Camburi. Esses depósitos se estabelecem de forma sazonal. Um levantamento sobre a série histórica, a atividade radioativa e o tipo de composição encontrada seria de grande valia para o entendimento das reservas depositadas no fundo da baía de Camburi.

Data de início: 2009-05-18
Prazo (meses): 24

Participantes:

Papelordem decrescente Nome
Coordenador Marcos Tadeu DAzeredo Orlando
Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910